29 de jul de 2010


Já estava de malas prontas. Sabia que ficaria longe por um tempo. Dái, começou  fazer sua reserva particular do cheiro e do calor de sua pele. Derramaria suas lembranças nos lençóis, toda noite antes de dormir. Seria sua forma de estar sempre perto, acordando ao seu lado...

Nenhum comentário:

Postar um comentário